Opções de Tratamento

voltar

O tratamento geral inclui uso de medicamentos anticoagulantes e repouso nos primeiros dias. Existem alternativas de tratamento através de medicamentos que realizam fibrinólise (desmancham os trombos) – estes são realizados através de um cateterismo especial e exigem, também, cuidados especiais.
Anticoagulantes tradicionais (anti vitamina k) exigem realização de exames de laboratório regularmente. Anticoagulantes mais recentes no mercado permitem o tratamento sem a necessidade de realizar estes exames periódicos.

Na dependência da extensão da trombose, o tratamento pode ser mantido por poucos meses (3 – 4 meses) ou por períodos mais prolongados (um ano ou mais).
A longo prazo, em tromboses muito extensas, podem ocorrer sequelas na pele da perna (úlceras) e varizes secundárias, caracterizando a síndrome pós – trombótica. Para evitar esta evolução, recomenda-se o uso de meias elásticas.

O filtro de veia cava: o filtro de veia cava é um dispositivo que pode ser implantado por meio de cateterismo, sob anestesia local. Este filtro está indicado em situações nas quais o paciente tem contra indicação ao uso de anticoagulantes, ou, mesmo sob tratamento anticoagulante, passa a apresentar embolia pulmonar. O filtro tem por objetivo bloquear coágulos que embolizam as veias dos membros inferiores em direção às veias do pulmão.

Ir ao topo

Copyright © 2016 - Todos direito reservados.